Autoestima

 

workshop_site_3

 

A Autoestima é o conceito que temos de nós mesmos. É demonstrada nas atitudes que assumimos e diz respeito ao nosso aspeto físico, à família, às amizades, ao trabalho, à ética, à sexualidade, aos objetivos alcançados…

Ao longo das próximas semanas vou aqui postar dicas, passo a passo, para reaprender a respirar, relaxar e meditar. Estas dicas serão úteis para limpar o lixo emocional e fortalecer a Autoestima.

Somos normalmente educados para prestar atenção aos defeitos, aos erros e faltas, e tendemos a privilegiar o controlo e autocontrole em detrimento das emoções, porque ser emocional é tido como fraqueza.

Estamos inseridos num paradigma cultural que aprecia a eficiência e a excelência no desempenho, onde os erros e as fragilidades – inerentes ao ser humano – são rejeitados. Na maioria das vezes somos educados de uma forma inumana e é a nossa educação que é responsável por muitos dos problemas que vivemos.

A Autoestima é inata ou aprendida.

É na infância, com a perceção do que somos e fazemos que a fortalecemos e a desenvolvemos. Em criança estamos abertos e não possuímos a censura crítica, funcionamos como uma esponja. Recebemos informações e criamos imagens mentais que estão associadas a emoções: positivas ou negativas.

Quando deixamos de ser quem somos para passarmos a ser o que esperam de nós e se não correspondermos às expetativas, entramos em depressão.

A palavra-chave para uma vida feliz e realizada é conectarmos novamente com o Eu original: fonte de energia para lidar com os problemas e superá-los.

Partilhar
Comments ( 0 )

    Deixe o seu comentário

    Seu endereço de email não será publicado . Campos obrigatórios são marcados *

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.