Disfunção sexual na juventude

 

A disfunção sexual é um problema que afeta homens e mulheres de todas as faixas etárias. Sim! Os jovens também sofrem com esta dificuldade, contrariando a ideia de que na juventude se vive o auge sexual.

O que pode explicar a disfunção sexual na juventude?

  • Ausência/Inadequação de educação sexual;
  • Crença em mitos (e.g., “um homem não falha”);
  • Expetativas irrealistas em relação ao sexo;
  • Primeiras experiências sexuais insatisfatórias ou dolorosas;
  • Prática sexual em locais que coloquem em risco a intimidade;
  • Ansiedade, medo e culpa;
  • Baixa autoestima, insatisfação com o corpo e insegurança;
  • Pressão social para a iniciação sexual, sobretudo no homem.

Se é jovem e sente esta dificuldade, saiba que muitos outros jovens passam pelo mesmo. É possível obter ajuda e viver ou iniciar uma vida sexual plena e sem tabus.

O bem-estar mental é um direito que deve estar ao alcance financeiro de todos. Saiba como em psic.com.pt/prosocial

psic-equipa-jatirschmitt

Jatir Schmitt  – Psicóloga Clínica

Tem medo de falar em público?

O medo de falar em público – glossofobia – é comum e muitas pessoas sentem algum grau de ansiedade antes de o fazer. No entanto, algumas pessoas têm uma verdadeira sensação de congelamento antes de uma apresentação pública, o que prejudica o seu desempenho. Este medo pode estar relacionado com:

  • Experiências prévias negativas (em criança ou já em adultos), como comentários depreciativos
  • Baixa autoestima
  • Padrões de desempenho muito elevados
  • Insegurança

O medo de falar em público pode manifestar-se através dos seguintes sintomas:

NOVA

 

O bem-estar mental é um direito que deve estar ao alcance financeiro de todos. Saiba como em psic.com.pt/prosocial.

psic-equipa-carlasantos

Carla Santos – Psicóloga Clínica

Eles fumam, nós fumamos

O fumo passivo corresponde ao fumo produzido pelo cigarro aceso, bem como o fumo exalado pelo fumador.

O não fumador exposto ao fumo passivo, mesmo que por curtos períodos de tempo, pode apresentar: irritação dos olhos, dor de cabeça, tosse, dor de garganta ou enjoo.

Contudo, os malefícios desta exposição podem ser bem mais graves: cancro de pulmão, doenças cardíacas, infeções respiratórias, agravamento de alergias e aumento do risco de complicações ao longo da gravidez.

Se é fumador, já parou para pensar que pode estar a prejudicar a saúde de quem mais gosta? Nunca é tarde para deixar de fumar, saiba como podemos ajudá-lo em: http://www.psic.com.pt/intervecao-tabagismo/.