Resiliência – o que é?

Psic-post-15fev

A resiliência é a capacidade que um indivíduo tem de se recuperar após a exposição a um evento potencialmente traumático (e.g., assalto, acidente, catástrofes naturais). Muitas vezes estes eventos difíceis mobilizam recursos internos que dispomos, mas que desconhecíamos até à data.

Após a vivência de situações difíceis podemos apresentar alguns sintomas como ansiedade, dificuldade em adormecer, pensamentos e/ou imagem recorrentes sobre o que aconteceu. Estes sintomas são normais perante a exposição a uma situação anormal. Mas, é por sermos resilientes que conseguimos retomar as nossas atividades e seguir com a nossa vida para a frente.

Ainda que seja difícil, estas experiências acabam por ser integradas na nossa história de vida. Aprendemos com elas, adaptamo-nos a este novo contexto… e isto é ser resiliente.

 

O bem-estar mental é um direito que deve estar ao alcance financeiro de todos. Saiba como em psic.com.pt/prosocial.

psic-equipa-carlasantos

Carla Santos – Psicóloga Clínica

Tinha medo de andar de avião, mas hoje entra no avião serena

Psic-post-12fev

Elsa tem uma atividade profissional onde necessita de viajar frequentemente de avião. A cada viagem sentia um grande medo, ansiedade e angústia que começavam logo após a marcação da viagem. A Elsa antecipava várias vezes os cenários que temia: turbulência, avarias, quedas. Nos dias anteriores sentia-se muito ansiosa, não conseguia dormir, perdia o apetite e chegou a ter de cancelar algumas viagens devido à sua fobia de andar de avião.

Após algum tempo a viver com este medo de voar, que prejudicava a sua vida profissional, Elsa procurou ajuda. Depois de completar um programa de intervenção por hipnose e abordagem psicossensorial direcionado para a fobia específica, a Elsa relata que “entro no avião serena e não sinto o medo que até à data sentia”. Além disso, a ansiedade antecipatória desapareceu e durante as viagens chega mesmo a adormecer, devido ao relaxamento que sente. Elsa conta ainda que em algumas viagens de avião já houve turbulência e que conseguiu lidar com a situação, mantendo-se mais calma.

Apesar de o medo ser uma emoção natural e protetora, quando em excesso pode tornar-se incapacitante. Vê a sua vida restringida por algum medo excessivo? Saiba que, tal como a Elsa, é possível ultrapassá-lo.

 

O bem-estar mental é um direito que deve estar ao alcance financeiro de todos. Saiba como em psic.com.pt/prosocial.

psic-equipa-jatirschmitt

Jatir Schmitt – Psicóloga Clínica

O que é a disfunção sexual feminina?

 

A disfunção sexual não afeta exclusivamente os homens. A disfunção sexual feminina pode manifestar-se em:

  • Diminuição ou ausência de desejo
  • Aversão do contacto sexual
  • Perturbação da excitação
  • Perturbação do orgasmo
  • Dispareunia – dor persistente na zona genital ou pélvica durante o ato sexual
  • Vaginismo – dificuldade na penetração, devido à contração involuntária, recorrente ou persistente, dos músculos da vagina.

As causas destas disfunções podem ser fisiológicas, psicológicas ou mistas. A nível psicológico os seguintes fatores podem contribuir para o desenvolvimento de uma disfunção sexual:

  • ansiedade, stress e depressão
  • falta de estimulação sexual adequada
  • comunicação ineficaz entre o casal
  • rejeição do parceiro
  • inexistência de informação
  • crenças erradas ou negativas sobre a sexualidade
  • experiências prévias insatisfatórias (e.g., dor, trauma)

 

Se a vivência de uma sexualidade plena é importante para si, não deixe que a disfunção sexual seja um tabu na sua vida. Procure ajuda!

O bem-estar mental é um direito que deve estar ao alcance financeiro de todos. Saiba como em psic.com.pt/prosocial.

psic-equipa-jatirschmitt

Jatir Schmitt – Psicóloga Clínica