Como lidar com o aborto espontâneo

aborto

As causas do aborto espontâneo podem ser variadas mas o fator comum é o grande sofrimento que provoca no casal. O sentimento de choque, culpa e perda são frequentes. O medo apodera-se do casal e surgem muitas dúvidas sobre o que fazer a seguir. Saiba como lidar com este evento doloroso:

  • Não se culpe – pare de reviver todos os momentos da gravidez à procura de algo que tenha feito de errado e compreenda que esta situação estava fora do seu controlo.
  • Aceite a perda – há um processo de luto que precisa de ser vivido e respeitado. É necessário elaborar a perda dos planos e expetativas para o filho que tinha idealizado.
  • Partilhe a sua dor – converse com o seu companheiro, familiares e amigos sobre a situação difícil pela qual está a passar. Aceitar a perda e falar sobre ela pode ajudar a sair do sofrimento e retomar a sua vida.
  • Passe tempo a dois – umas férias românticas, uns dias junto da natureza ou simplesmente dedicar umas horas por dia à relação.
  • Converse com um profissional – procure saber com o seu médico quando é seguro voltar a planear engravidar

 

Lembre-se que o aborto espontâneo é comum e que isso não significa que não pode ter um bebé saudável em breve. A ajuda psicológica pode ser importante para que volte a sentir-se bem, recupere a esperança e se sinta preparada para receber uma nova gravidez.

 

O bem-estar mental é um direito que deve estar ao alcance financeiro de todos. Saiba como em psic.com.pt/prosocial.

 

psic-equipa-jatirschmitt

Jatir Schmitt – Psicóloga Clínica

Partilhar
Comments ( 0 )

    Deixe o seu comentário

    Seu endereço de email não será publicado . Campos obrigatórios são marcados *