5 frases a evitar dizer a um amigo que precisa do seu apoio | Psic

Blog

5 frases a evitar dizer a um amigo que precisa do seu apoio

1. “Tem calma”

Lembre-se que tentar ter calma quando se está num estado ansioso, provoca mais ansiedade pelo insucesso em acalmar-se. Neste caso, deve transmitir a ideia de pensar no resultado da ansiedade e na sua lógica, ao invés de contrariá-la. Ofereça a sua companhia para estes momentos de ansiedade, transformando-se num apoio e transmitindo por si mesmo, a calma.

“Tem calma”– Conta comigo, estou aqui para o que precisares

 

2. “Não estejas assim”

Ainda que a intenção seja boa, naquele momento, o seu amigo precisa de sentir e exteriorizar o que sente. Importa respeitar o espaço que precisa e incentivar a expressar-se, seja por palavras ou choro. Nesse momento, mantenha-se por perto e ouça-o.

 “Não estejas assim” – Expressa o que sentes e deixa as tuas emoções fluir naturalmente

 

3. “Isso é da tua cabeça”

Este comentário alimenta a falsa ideia de que o problema é inexistente, levando o outro a desvalorizar e camuflar os problemas, sentindo culpa, sendo que mais tarde irão surgir em forma de crises emocionais. Ouça sempre e no momento certo, incentive à reflexão sobre o que preocupa o seu amigo.

“Isso é da tua cabeça” – Como posso ajudar?

 

4. “Há situações piores”

A comparação com os problemas dos outros transmite uma desvalorização do problema e do sentimento da pessoa. Sendo o objetivo a resolução do problema, é necessário focar nele como sendo o mais importante naquele momento. Deve valorizar a dor do outro e não julgar, independentemente do problema, só o outro é que sabe o que está a sentir.

“Há situações piores”– Tens todo o direito a sentir-te dessa forma

 

5. “O tempo cura tudo”

O tempo ajuda quando existe uma solução, certamente, serão precisas mudanças a realizar para resolver o problema. Sem solução, o tempo passa e o problema avança com ele. Pode ajudar a criar esta reflexão, sobre a necessidade de atuar perante o problema, promovendo mudança e procurando soluções.

“O tempo cura tudo” – Vais encontrar uma solução

 

Mais do que comunicar as palavras certas, a base do apoio deve ser a disponibilidade para estar e ouvir, ser empático, compreensivo e ajudar a criar caminhos quando pedido. Compreender que aquele momento é do outro e nós só temos a oportunidade de ajudar.

 

Outra forma de ajudar é o incentivo à ajuda e apoio psicológico, no sentido de promover o autoconhecimento e de adquirir uma maior capacidade e novas habilidades para gerir situações adversas que permite a leveza na vida, a todos os níveis.

 

Pode encontrar este apoio na Clínica PSIC através da marcação de uma consulta informativa gratuita, presencial ou online.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Fechar