6 passos para praticar a compaixão

Num contexto atual tão difícil e incerto, também vemos o melhor nas pessoas. Vemos pessoas a procurar ser empáticas e demonstrar compreensão pelos sentimentos e emoções do outro. E vemos pessoas que vão mais além, demonstrando compaixão e vontade de ajudar o próximo a superar os seus problemas.

Esta sensibilidade de saber colocar-se no lugar do outro, imaginar aquilo pelo que está a passar e agir para ajudar, deixam marcas que mudam as vidas para melhor – a vida de quem é ajudado e sobretudo a vida de quem está a praticar a compaixão.

Então como praticar e fortalecer a compaixão? Comece com estes 6 passos:

  1. Empatize: evite perder tempo com julgamentos e concentre-se na ajuda que pode dar para aliviar a dor alheia, independentemente do que ela represente para si. Crie empatia pelas vivências dos outros e encontre maneiras de ajudar;
  2. Tenha iniciativa: observe quais as necessidades do outro, sem julgar e coloque-se à disposição, com boa vontade, de coração aberto e pronto para agir;
  3. Pratique a atenção consciente: esteja presente no momento e ofereça a sua reação empática ao que está a acontecer ali. Isto permite que se foque no outro, em vez de se focar nas suas próprias reflexões;
  4. Evite o sentimento de pena: agir por pena corresponde a sentir-se superior ao outro e implica distanciamento e separação. Reconheça a falha, o descuido e o erro como situacionais e acredite no potencial das pessoas;
  5. Expresse gratidão: é provável que tenha recebido atos compassivos. Reconheça esses atos de gentileza que lhe foram feitos e expresse gratidão por eles;
  6. Aceite o seu Eu: a compaixão vai além de um exercício com o outro e passa por um processo de autoconhecimento. Seja compreensivo consigo mesmo, perdoe as suas próprias falhas e produza um sentimento positivo interior.

Após conhecer estes passos, fica claro que a compaixão começa no Eu. Pratique a autocompaixão, para depois poder pensar no outro. Ter autocompaixão significa ter autoconhecimento, autocuidado e amor-próprio pois, quando se sente preenchido, sobra e transborda para o outro.

Sabia que praticar a compaixão ajuda a aumentar a sua inteligência emocional? Saiba como em

Invista em si e aprenda a conhecer-se. A clínica PSIC ajuda-o a descobrir e desenvolver as suas capacidades e potencialidades, abrindo novos caminhos.

Conheça o nosso programa intensivo de 3 semanas

Favoreça o autoconhecimento e a sua capacidade de gerir emoções, marcando a sua Consulta Informativa Gratuita para conhecer as nossas modalidades. As consultas podem ser presenciais ou à distância.

Partilhar