Como enfrentar a depressão

Quando sintomas como maior suscetibilidade à frustração, impaciência, desânimo, falta de energia e tristeza constantes se tornam muito frequentes e prolongados, é provável que se encontre perante uma depressão. Neste contexto, é natural que sinta que tudo ao seu redor lhe é indiferente, que nada tem importância e que perdeu todo o seu valor.

O  acompanhamento psicológico é fundamental para conseguir enfrentar as causas da depressão, os conflitos internos e o sofrimento pessoal. Durante o processo psicoterapêutico, são trabalhadas estratégias psicológicas que o ajudam a sair do autoabandono, a eliminar o sentimento de autoanulação, a ultrapassar as dificuldades e extinguir o sofrimento e com isso priorizar-se e a melhorar a qualidade de vida.

Leia também:

Na PSIC, a consulta de psicologia é uma intervenção individual e confidencial, permitindo que ocorra um restabelecimento emocional, uma mudança nos seus comportamentos e/ou crenças, que o façam ter um novo olhar do mundo e de si mesmo. Saiba como podemos ajudar no tratamento da depressão e contacte-nos para marcar uma consulta informativa gratuita. As nossas consultas podem ser presenciais ou à distância (online).

Vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=jpH0RfWGTZQ

Partilhar

Teste: sente-se com depressão?

Estes são os 15 sinais de alerta para uma depressão que podem ocorrer de forma sucessiva no dia-a-dia. Assinale os sintomas com os quais se identifica e saiba se estará a atravessar uma depressão.

  1. Tristeza, ansiedade ou “vazio” persistente;
  2. Desesperança e pessimismo;
  3. Sentimento de culpa, de inutilidade e de desamparo;
  4. Dificuldade de atenção, concentração e memória;
  5. Perda de interesse na vida;
  6. Incapacidade de retirar prazer da vida;
  7. Dificuldade em tomar decisões e lidar com situações do dia-a-dia;
  8. Sensação de cansaço, exaustão, inquietação e agitação;
  9. 9. Alterações de sono: acordar muito cedo ou dormir demais;
  10. Perda de apetite e peso ou ganho de peso;
  11. Perda de interesse pela vida sexual;
  12. Dores de cabeça, problemas digestivos ou dor crónica sem causa física;
  13. Perda de autoconfiança;
  14. Afastamento de outras pessoas;
  15. Ideias suicidas e/ou tentativa de suicídio.

Se assinalou 5 ou mais sintomas ou se conhece alguém que está a experienciar estes sintomas, a ajuda profissional é aconselhável e urgente.
Saiba como podemos ajudar no tratamento da depressão e contacte-nos para marcar uma consulta informativa gratuita. As nossas consultas podem ser presenciais ou à distância (online).

Leia também este testemunho: Depressão, medo e ansiedade

“Decidi procurar ajuda porque me sentia sem energia e com pouca motivação para as coisas do dia-a-dia. Esperava que o programa de tratamento me ajudasse a ser uma pessoa mais feliz e satisfeita com a vida. Durante o tratamento com o DOS e com o acompanhamento da Dra Jatir senti que a minha vida ganhou nova energia e aprendi a lidar com os medos que até então tentava não trazer à luz do dia. O tratamento permitiu-me tomar consciência dos meus medos e dessa forma, através de técnicas que aprendi, poder trabalhá-los de forma a que passem a fazer a pessoa que sou sem me bloquearem e limitarem a minha vida. Aconselho a quem precisa de reencontrar que procure a ajuda da Dra Jatir, que nos guia no conhecimento de nós próprios e nos dá ferramentas para que nos tornemos autónomos na busca de bem-estar.” M.P.

Outros testemunhos em https://www.psic.com.pt/testemunhos/

Partilhar